Educação&

Governo de SP investirá R$ 66,8 milhões em escolas da RMVale

No dia 1º de junho o Governo do Estado anunciou a aplicação de R$ 66,8 milhões em  reformas de escolas na RMVale através do projeto Escola+Bonita. Ao todo, 88 escolas estaduais de 28 cidades da região serão beneficiadas. Na cidade de Pindamonhangaba e
São José, dez escolas serão reformadas. Em Jacareí, nove escolas serão beneficiadas e oito em Taubaté e Ubatuba.  Secretaria de Educação do Estado de São Paulo disse que o cronograma de obras ainda não está definido e que não há uma data precisa para o início.
Disse ainda que diversas reformas serão realizadas simultaneamente em escolas de diversas cidades. A secretária de Educação e Cidadania de São José dos Campos, Cristine de Angelis Pinto, explica que a ação do Estado vem somar esforços com o Município que já se empenha no reparo das unidades escolares.

“A Prefeitura de São José dos Campos vai disponibilizar até julho deste ano, cerca de 1.300 novas vagas com serviço de reforma e ampliação de diversas escolas de educação infantil em várias regiões da cidade”, afirma a secretária. Segundo Cristine, obras de reparo e ampliação em oito escolas já foram entregues, seis estão em fase de conclusão e duas começaram em maio. A Prefeitura de São José afirma que até julho deste ano, cerca de 1.300 novas vagas serão abertas por conta dos serviços de reforma e ampliação de diversas escolas de educação infantil em várias regiões da cidade.

“É o maior programa
de reforma de escolas
públicas já realizado aqui
no Estado de São Paulo.
Óbvio que não atende a
totalidade das escolas,
mas atende as escolas
cujo levantamento indicou
como as mais prementes
para as intervenções
de reforma.”

João Doria,
Governador do estado de São Paulo

Escola+Bonita

Anunciadas pelo governador João Doria e o Secretário de Educação do Estado, Rossieli Soares, as obras do programa Escola+Bonita devem começar ainda em 2019 e serão executadas ao longo de três anos. No dia do anúncio, João Doria destacou que nem todas as escolas que necessitam de algum tipo de reparo serão  contempladas, mas que a ação é o maior investimento já aplicado em formas de escolas estaduais. “É o maior programa de reforma de escolas públicas já realizado aqui no Estado de São Paulo. Óbvio que não
atende a totalidade das escolas, mas atende as escolas cujo levantamento indicou como as mais prementes para as intervenções de reforma”, disse o governador. A Fundação para Desenvolvimento da Educação (FDE) realizou uma avaliação técnica em todo o estado e identificou necessidade de reparos em escolas de 18 Regiões Administrativas. Será investido R$ 1,1 bilhão na revitalização de 1.384 escolas do estado de São Paulo ao longo de três anos. Neste ano estão previstas obras em 630 escolas que custarão R$ 439 milhões.  Em 2020, mais 660 unidades serão reformadas com R$ 549 milhões. Por fi m, em 2021, haverá o investimento de R$ 109 milhões em 94 escolas.

Segurança

Os reparos nas escolas melhoram o ambiente escolar e a infraestrutura de ensino, o que consequentemente impacta na qualidade da educação. Porém, há outro fator tão importante quanto esses: a segurança. Na cidade de São José dos Campos, por exemplo, uma fiscalização do Tribunal de Contas do Estado em 2016, apontou a necessidade de adequações em diversas unidades escolares do município. Ao todo, 49 escolas municipais
necessitavam de regularização para receber o AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros). Desde lá, foram gastos R$ 2,2 milhões nas unidades escolares para adequação
ao padrão solicitado pelo Corpo de Bombeiros. Segundo a Prefeitura de São José, foram priorizadas as escolas de educação infantil, fundamental, MIC (Museu Interativo de Ciências) e CEFE (Centro de Educação do Educador) e que cerca de R$ 15 milhões serão investidos ainda este ano para a obtenção do AVCB.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here